sexta-feira, 22 de novembro de 2013



2 comentários:

nobody listening disse...

sem dúvida nenhuma ... às vezes é preciso parar e inverter a marcha para poder arrancar de novo em direcção a outro rumo. saber mudar a rota faz parte do caminho

From now on, please, call me Tinkerbell* disse...

E saber fazer isso em paz, acreditando que é o que deve ser feito... é bom demais! :)