sexta-feira, 20 de janeiro de 2012

Não há uma sem duas, nem duas sem três, nem três sem quatro!



Lembram-se disto?! Ah pois é. O outro gémeo deve ter ficado ciumento, ou algo que o valha, e tratou de partir... o braço! Muito bonito. 4 semanas com um braço novo. Agora já não é só um, mas sim dois rufias com mais experiência que eu. 
Dada a necessidade que demonstrei neste post de adquirir mais experiência, foi-me dada uma queimadura no braço esquerdo, enquanto fazia bolachas no Natal, em forma de lágrima. Coisa mai' linda! 
É certo que agora não estou, nem de longe nem de perto, a criticar o avanço das criaturas. É que vai na volta e o Karma ainda se lembra e me presenteia novamente. 
Mas, avaliando a realidade dos netos da minha avó (que é o que temos todos em comum!): uma foi atropelada, outro parte a cabeça e este último o braço. Eu tenho-me escapado, nem sei bem como. Se bem que... coração partido conta?! É que se contar já entra para as contas e estou imune por uns anos!

Somos duros comó aço!*

3 comentários:

Palavra Já Perdida disse...

E mái nada :D
coitado do miúdo lol

Shell disse...

Autch! Coitado do pequeno :$ essa família, humm... Não será melhor irem à bruxa? :p * beijinho

From now on, please, call me Tinkerbell* disse...

Shell eu também já pensei nisso, para ser sincera looool ;) Mas como a vida de ninguém está em risco, pra já, vamos aguentando :D ahaha* Mas vai rezando umas orações pelas minhas pessoas! LOL