sábado, 8 de junho de 2013

Há dias de merda e depois há dias...


... em que vêm ao nosso encontro para a Farmácia errada só para nos fazerem uma surpresa e entregarem o convite de casamento. Há dias em que aparece na Farmácia (agora a certa!) a nossa mais recente prima, o amigo do café e a namorada simpática, o nosso herói, a nossa amiga mais paciente e ouvinte e outro casal amigo para entregar mais um convite de casamento. Há dias em que temos crianças que nos mimam com sorrisos e olhos ternurentos e mulheres adultas que nos reconhecem o profissionalismo. Há dias em que recebemos telefonemas que têm como único objectivo evidenciarem quão especial somos, quão importante é a nossa palavra, quão confiam em nós. Há dias que acabam com um jantar em jeito de piquenique, na zona de descanso do local de serviço. E é por estes dias que vale a pena dizer que a minha vida é rica em pessoas, é rica em capacidades de surpreender e de acarinhar que tantas vezes questiono. Hoje bastou-me a presença, bastou a troca de olhares e de palavras para perceber que, afinal, não estou sozinha! 

3 comentários:

Gaja Maria disse...

O importante é menosprezarmos os dias de merda e darmos maior valor aos outros dias. Bom fim de semana. :D

lusoma mar disse...

sabes que um dia vais repara que estes dias são de bom aconselhamento ,, eu admiro quem expõe estes posts , melhor que a foleirice das coisas ocas e sem sentido..
tem calma , relaxa e se outros dias do género aparecerem,, posta aqui para a boa partilha..
volta com mais....
Ah o teu blog é mt fixe..
:)

Inês disse...

Há dias bons!!!
Mas 2 convites de casamento têm o seu lado "lunar"...despesas!!