segunda-feira, 30 de julho de 2012

Não gosto de amores assim, que não se completam!


Eu - Então Senhor Manuel, posso colocar o seu medicamento no nome da sua esposa?
Senhor Manuel - Pode sim, menina. Nós lá em casa só não dormimos no mesmo quarto. De resto partilhamos tudo.

Eu sorri, meio que a disfarçar o embaraço que a esposa sentiu e lembrei-me da quantidade de Levitra que o senhor compra (e que, com toda a certeza, não é para usar com ela). Engoli em seco e pensei que, para ser assim, mais vale estar sozinha.

5 comentários:

Maria disse...

? O que é Levitra? desconheço :) beso

From now on, please, call me Tinkerbell* disse...

É tipo Viagra
Maria ! ;) *

Maria disse...

AHHHHHHHHH!!! eheh, então mas se ia tomar isso bem que ja podia ir dormir com a mulher! eheh. besos

From now on, please, call me Tinkerbell* disse...

Ou não querida... Ou não! ;) Besoooo

Néua disse...

:S e não me venham dizer que somos exigentes...pois exigencias como esta que falas de uma confiança e partilha total são fundamentais!! Casamentos não são só para inglês ver :S